04/11/2016

[RESENHA #139] ÓDIO, AMIZADE, NAMORO, AMOR, CASAMENTO - ALICE MUNRO


Título: Ódio, Amizade, Namoro, Amor, Casamento
Autor: Alice Munro
Editora: Coleções Folha (Folha de S. Paulo)
Páginas: 340
Ano: 2016
ISBN: 9788579492969
Onde Comprar: Coleções Folha - Livraria da Folha

Sinopse: “[...] havia alguma coisa errada no modo como pronunciava as palavras. Um sotaque. [...] Alguém comera na mesa e deixara um prato sujo de ketchup ressecado e uma xícara pela metade de café frio.” Detalhes assim são encontrados quase aleatoriamente nos contos de Alice Munro (1931). São eles, entre tantas outras coisas, que conferem ao leitor a sensação de que está vivendo junto com os personagens cada momento da história. Munro empresta a suas narrativas um cuidado e atenção que só a vida ativa pode proporcionar. Quase não sabemos se estamos lendo ou vivenciando uma experiência, tamanha a veracidade dos lugares, tempos e pessoas. Por outro lado, lemos frases como esta: "A luxúria que me dera pontadas de dor à noite fora purgada e reorganizada agora como uma ordenada chama-piloto, solícita, esponsal." A densidade, o fluxo de consciência, a reflexão, a ação incessante e os detalhes vívidos se combinam, em Alice Munro, para formar contos de linguagem extremamente autoral, sempre com temas que não ultrapassam o mais humildemente humano. Não à toa a autora ganhou o Prêmio Nobel sem jamais ter escrito um romance, feito inédito para a premiação. Seus contos, como dizia Julio Cortázar, ganham do leitor por “nocaute”, golpeando-o bem ali, onde ele é mais parecido com qualquer um e somente consigo mesmo. Noemi Jaffe Escritora e crítica literária.

Resenha: O volume da Coleções Folha traz nove contos distintos que narram as vidas de diversos personagens, alguns jovens, outros idosos, além de crianças. Essas histórias giram em torno de mulheres como protagonistas, abordando aspectos como o amor e companheirismo.

"Anos atrás, antes que os trens parassem de correr por inúmeros de seus ramais, uma mulher de rosto amplo e sardento e cabelo ruivo foi à estação de trem e perguntou sobre remessa de mobília." p. 7.

O primeiro conto dá nome ao livro e faz uma referência a uma brincadeira entre duas adolescentes, nos mostra também uma mulher que em princípio não demonstra sentimentos, mas tem algo dentro de si para ser explorado. 

Começamos a obra com uma mulher comprando uma passagem de trem para Saskatchewan, no oeste do Canadá, querendo enviar um conjunto de mobílias para a cidade. Após isso, vemos a mesma mulher em uma pequena loja da cidade em que vive, comprando um vestido para usar no seu casamento. Todavia, o casamento não ocorre, na verdade não há nenhum casamento.

"O sr. McCauley não teve dificuldades em descobrir que a passagem comprada por Johanna era para Gdynia, em Saskatchewan." p. 23.

Essa mulher é Johanna, uma governanta do Sr. McCaulley, proprietário de um escritório de seguros, porém que não assegura mais nada. Johanna cria então um plano, abandonar o seu patrão para viver com o genro dele, pois tem algum tempo que está trocando cartas amorosas com este. Porém, tais cartas não existem, Johanna lia na verdade invenções de Sabitha, neta de McCaulley e Edith, sua melhor amiga.

Ao poucos, a autora Alice Munro vai soltando para o leitor diversas informações, levando-o  a fomentar, criar e imaginar diversos finais possíveis para o conto a cada novo detalhe informando pela autora na história, passando do trágico ao cômico, por fim ao aspecto romântico.

Opinião: Alice Munro fala sobre sentimentos e retrata o cotidiano em vários contos, recriando o estilo de vida, passando por diversas culturas e épocas. Os contos são extenso, todavia possuem eloquência.
Os contos apresentados pela autora se mostraram heterogêneos, diversificados, porém alguns aspectos abordados são comuns, como as relações sociais que desenvolvemos no decorrer da vida. A autora demonstrou uma escrita que hipnotiza e nos leva a encarar alguns demônios.
De todas as histórias apresentadas pela autora, algumas me marcaram, especialmente Queenie e O Urso Atravessou a Montanha. Digo isto, pois em determinados momentos, tive que parar, pois de fato a autora nos toca devido tal carga emocional.
Não menos importante, preciso comentar sobre o trabalho da Coleções Folha que fez um lindo exemplar, nesse que é o penúltimo volume da coleção grandes nomes da literatura. A edição é em capa dura, diagramação muito boa e fontes confortáveis.


Por Mayara Frossard

9 comentários:

  1. Oi Mayara, tudo bem?
    Primeira vez que visito o seu blog e gostei muito do que vi. Bom, nunca li nada da autora e confesso que não possuía interesse até conhecer esse título através da sua resenha. De cara me encantei pela edição que realmente está muito bem feita, mas fiquei curiosa com a sua descrição dos contos e com toda essa carga emocional que você destacou. Amo livros que mexem com a emoção e mesmo não tendo o costume de ler contos fiquei muito inclinada a incluir esse livro na minha listinha de desejados.
    Beijos!
    Por Livros Incríveis

    ResponderExcluir
  2. Oi!
    Ai livro de contos <3 Acho muito bom quando, mesmo com um narrativa mais breve como o conto, a autora consegue nos tocar pela intensidade do texto. Tinha visto esse volume da Coleção Folha, mas não tinha me interessado muito, mas depois da sua resenha vou repensar em ler. E nossa, que título ótimo o desse primeiro conto!
    BJs!

    ResponderExcluir
  3. Eu já tenho 14 volumes da coleção, e estou esperando vir mais 7. As edições são muito lindas mesmo! <3
    Gostei de saber sobre este livro, gosto de contos e o tema ser o cotidiano me deixa bem empolgada para conferir. Adorei sua resenha!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Mayara, tudo bem?
    Eu acho essa coleção da Folha maravilhosa, um trabalho muito bem feito. Achei a premissa desse livro bem interessante e fiquei curiosa para saber o desfecho da história de Johanna. Eu gosto muito de ler contos, principalmente contos como você mencionou que possuem uma carga emocional grande e hipnotizam o leitor, por isso fiquei bastante interessada em realizar a leitura. Adorei a resenha!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi, May. Tudo bem? Essa edição está linda mesma <3 Amo edições de capa dura =D
    Mas confesso que acho que não leria o livro :P Apesar de gostar de contos, não gosto de ler livros do gênero. Prefiro ler contos avulsos e não uma coletânea deles, sabe? Estranho né? Hhahaha Então acho que não leria, mas fico contente em saber que a leitura foi legal para você =D
    Beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá! Adorei o título e a capa do livro! Adoro livros de contos, ainda mais com histórias complexas, assuntos de adolescentes, também gosto quando o autor consegue diversificar entre o trágico e o cômico e, ainda, quando faz isso utilizando coisas simples do cotidiano. Vou procurar para leitura.
    Abraço!
    Karla Samira
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu até gosto de contos, mas sinceramente, não senti interesse em Ódio amizade, namoro, amor, casamento, acredito que seja uma boa obra em sua categoria e sem dúvidas uma leitura bem legal para os leitores do gênero, mas infelizmente não senti apresso pela obra em si e não faria a leitura, principalmente ao saber que os contos são extensos assim, mas ainda sim, foi interessante conhecer.

    http://www.daimaginacaoaescrita.com/

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Eu queria muito ler contos, mas sempre acabo adiando. Essas edições publicado pela Folha estão lindas e queria comprar.. mass..não deu! Gostei de saber sobre esse livro e seus contos, achei bem instigante o primeiro conto e fiquei mega curiosa aqui.. parece ser uma leitura muito boa e pra mim seria uma descoberta, lendo contos. Espero conseguir ler!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Olá,
    Desconhecia a obra e também a autora.
    Fiquei bem curiosa por toda essa carga emocional que você diz existir nos contos que, apesar de serem extensos, apresentam eloquência.
    Adorei o fato de muitos trazerem o cotidiano e de personagens femininas, estou me interessando agora por contos e já anotei a dica. A edição parece ser muito bonita mesmo e ainda com capa dura!

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

INSTAGRAM

Publicações Recentes

recentposts

Publicações Populares