[RESENHA #194] VIRANDO O JOGO (O JOGO PERFEITO #2) - J.STERLING - Saga Literária

Novidades

segunda-feira, março 06, 2017

[RESENHA #194] VIRANDO O JOGO (O JOGO PERFEITO #2) - J.STERLING


Título: Virando o Jogo #2 (The Game Series)
Autora: J. Sterling
Editora: Faro Editorial
Páginas: 280
Ano: 2015
ISBN: 9788562409240
Onde Comprar: Amazon - Saraiva

Sinopse: Ela o queria de volta. Mas como saber se não está lutando contra o destino? 
Jack e Cassie rapidamente percebem que a nova vida dele como astro do time muitas vezes pode ser cruel. A felicidade do casal novamente é posta à prova, e os erros do passado parecem retornar com mais força. Depois de um ano tumultuado, Jack e Cassie finalmente estão onde sempre quiseram estar: juntos!Mas permanecer ao lado de Jack não é fácil para uma garota. Ele sabe que é sua última chance de provar seu amor para Cassie e quer fazer tudo dar certo. Mas como transmitir uma segurança capaz de deixá-la tranquila diante de tanto assédio? Cassie deve aprender a navegar nas águas deste novo mundo, em que os olhos de todos estão voltados para Jack. É um estilo de vida que a faz questionar sua felicidade, e sua própria sanidade, e se perguntar continuamente: "Como acreditar que podem ficar juntos quando tudo parece querer separá-los?"

Resenha: Depois de uma separação dolorosa e trágica de Jack e Cassie, já que nosso destaque do beisebol – Jack Carter – estava casado com a falsiane Chrystle que fingiu está grávida para forçar seu casório com o jogador. Isso tudo custou o relacionamento de Carter com Cassie e deu origem a viagem – que Cassie já ansiava, porque ama seu trabalho – de nossa “gatinha” para Nova York para ser estagiária numa revista famosa que fala sobre problemas de cunho humanitário.

Seis meses se passaram desde que Jack se casara e pedira a anulação do seu matrimônio quando soube do golpe de sua esposa e ao tentar se reconciliar com Cassie, simplesmente ouvira: “Prove Carter!” e tentara com todas suas forças reconquistar seu grande amor para que juntos voltassem a ser a equipe campeã. Nessa empreitada complicada, Jack tem como aliados seus avós que amam sua garota, seu irmão Dean e a melhor amiga de Cassie, Melissa. Ele sabe que pisara na bola com sua amada e não tem respaldo para pedir perdão e seu retorno ao posto de namorado de forma direta e apenas com palavras. Ele terá que provar que a ama e nunca mais a machucará dessa forma.

Jack pede transferência para o Meets em Nova York e bola um plano infalível para ter o perdão de sua amada. Cassie o ama e quando é surpreendida com vários presentes e uma narração dolorosa e verdadeira de Carter sobre os seis meses que não a procurara, mas que lutava pelo divórcio com Chrystle para ser livre para sua gatinha e assim seguirem suas vidas com amor e paixão. Os dois reatam o relacionamento, porém a desconfiança de Cassie nunca se abranda e coloca em risco constante a relação de ambos, acrescentando a isso, o assédio das fãs com Carter, as notícias mentirosas do jornalismo e sua privacidade tirada sem sua permissão. De bônus ela ganha a repulsa da “Liga das Mulheres – CASADAS – dos Jogadores do Meets” que vão deixando-a abatida e paranoica e consequentemente culpando Jack por ela está passando por tudo isso.

"– São garotas na maioria que leem essas revistas, veem esses shows e postam em seus websites. Vocês, garotas, adoram humilhar profundamente umas às outras." p. 224

Uma série de acontecimentos desde um beijo inesperado, uma paixão platônica, uma ex-esposa louca e sedenta por vingança mais a mídia difamando Cassie acabam levando o relacionamento deles à beira do penhasco e impulsionando nossa gatinha a abandonar Carter com seu mundo e seus problemas.

Será que o amor de Cassie e Jack resistirá ao assédio das fãs do jogador e da difamação da Mídia contra Cassie? Será que Jack perdoará sua gatinha por não ter pensado nele e nos seus sentimentos nesse momento? Como eles conseguirão dar fim a esse mundo de caos que é o namoro deles?

"[...] E amar é a coisa mais importante que podemos fazer em nossas vidas. Dê amor. Receba amor. Ensine aos outros como fazê-lo." p. 236

Opinião: Jack está mais forte e maduro nesse livro. Fiquei impressionada com as constantes e efusivas demonstrações de amor dele com Cassie. Ele é um homem marcado por abandonos e feridas, mas não deixa isso influenciar suas decisões em relação às pessoas que ele ama. Ele deixaria tudo por causa do amor e sem nenhum arrependimento. Está mais decidido em relação ao futuro de sua relação com Cassie e não permite que ninguém a separe dele. Sofre muito é com a tendência de isolamento e reclusão que Cassie tem diante os problemas. Isso o deixa instável e irritado e é o ponto mais trabalhado em relação aos dois e o que me surpreendeu, porque ironicamente é Carter que nos dar uma lição.
Cassie está ressentida com Jack por causa do casamento mal sucedido de seu amado e das decisões impulsivas que ele tomou. Ela o perdoa, todavia não consegue enxergar o dois como uma equipe e isso mais desgastando diariamente a relação de ambos. Ela fecha-se num casulo que não permite a entrada de ninguém e vai ferindo o coração doce e entregue de Carter e consequentemente colocando a perder todo o relacionamento deles. Muitas vezes senti muita raiva dela, porque ela acusava Jack de egoísta, mas quem estava sendo egoísta e mesquinha era ela em relação a tudo que eles construíram.

O começo do livro é bem lerdo e tive vontade de jogá-lo na parede, mas no momento que Jack começa a narrar sua trajetória durante os seis meses que Cassie não soube de notícias dele, acabei sendo fisgada, porque ele fala com veracidade e sinceridade sobre seus sentimentos, medos, culpas e tudo mais. É muito difícil ver um homem falando de seus sentimentos de forma ousada e sem ressentimento de ser julgado frágil. Os homens acabam esquecendo que são humanos e vulneráveis como nós, mulheres.
Um ponto que me deixou um tanto insatisfeita foi à relação de Melissa – melhor amiga de Cassie – e Dean – irmão de Jack -, porque a autora não deu um encaminhamento aos dois. Ela apresenta a personalidade de Dean desde o primeiro livro e nos apaixonamos por ele, porém deixa o garoto inseguro diante os sentimentos de Meli com ele, já que a moça não sabe se gosta dele ou não. Ficou vago e incerto e espero que no último livro ela finalize o destino de ambos.

Confesso que essas capas não me atraem muito, mas os modelos usados são muito parecidos com nosso casal complicado, Jack e Cassie. O modelo de Jack que tem no Instagram da autora é lindo – CONFIRAM rs -. A fonte é agradável e as folhas amarelas facilitam a leitura.

A narração desse livro continua com a alternância entre Cassie e Jack, mas temos mais visão de Jack, o que me agradou muito, porque mostrou seus medos e percurso até hoje chegou ao beisebol e o que sofreu para reconquistar Cassie.
Virando o Jogo é a continuação de uma série que conquista facilmente com um casal complicado e personagens secundários que cativam por sua irreverência e singularidade. 

34 comentários:

  1. Eu não conhecia o livro mas a premissa me deixou meio com o pé atrás, parece ser um bom livor mas algumas coisas no enredo parecem que não me agradariam.

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?
    Me interessei bastante pela obra! ótima resenha.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  3. A capa é bem interessante e fico feliz que houve uma amadurecida nos personagens, gosto de leituras que mostram esse tipo de avanço. Não sei se leria no momento, mas quem sabe mais pra frente né?

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fiquei bem receosa no começo com a Cassie e o Jack, mas eles amadurecerem que fiquei assustada haha, mas recomendo para aqueles dias de férias.

      Beijocas!

      Excluir
  4. Olá
    Infelizmente não me interessei muito pelo livro, não sou muito chegada em relacionamentos complicados, mas fico feliz com o amadurecimento dos personagens e torço para que o personagem que você gostou seja melhor aproveitado no próximo livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi linda,

      Também não sou lá muito fã de romances que tem mais reviravoltas que novelas mexicanas, mas esse acaba sendo diferente por causa dos personagens que crescem naturalmente sem aquela forcação de barra imensa e conquistam por causa da autenticidade de suas personalidades.

      Beijos!

      Excluir
  5. Heiii, tudo bem?
    Conheci a J. Sterling e ela é uma fofa!!
    Sempre quis ler essa serie dela, tem cara de ser algo bobinho, mas bonitinho.
    Aas capas sao feiinhas, nao gosto mto, mas leria por causa dela hehe.
    Adorei a resenha, gostei de saber das suas opinioes.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi linda,

      Eu também as capas não coincidirem com a história, mas o enredo em si é gostoso e bem divertido de ler por causa dos acontecimentos e do Dean e do Jack que são meus crush haha <3

      Excluir
  6. Não conhecia a autora, o livro ou a série e fiquei curiosa. Vou anotar a dica e quem sabe em uma oportunidade não leia!

    Bjos

    ResponderExcluir
  7. Olá ♥
    Não conhecia o livro, mas com toda certeza é o tipo de leitura que eu amaria fazer. Gosto quando temos um casal protagonista com as caraterísticas desses ai. A capa me atraiu bastante achei ela linda e muito bem trabalhada. A premissa me pegou de jeito junto com sua resenha. Parabéns! Dica mais que anotada, beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, minha linda.

      Leia e venha compartilhar comigo as impressões para surtamos juntos pelo Dean e o Jack rsrs.

      Excluir
  8. Ola lindona eu adoro esse livro, adorei acompanhar ambos os protagonistas amadurecem muito depois da separação, e com as constantes demonstrações de amor, passando segurando a Cassie. Mesmo após tantos problemas eles superam tudo com o amor deles. beijos

    Joyce
    Livros Encantos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estou ficando chocada com tamanho amadurecimento do Jack e louca para dar uns cascudos na Cass, porque ela é muito trancada e teimosa....mas tomara que esse último livro seja um final doce e suave.

      Beijos!

      Excluir
  9. Oie
    Li o primeiro e gostei,mas estava enrolando p ler esse segundo pq tinha outros na frente
    Gostei da sua resenha e fiquei curiosa para ler logo, mesmo com o começo mais maçante :)
    Gostei da resenha e das fotos tb.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada *-*

      Continue, porque mesmo com o início bem arrastado, mas o resto da história é muito bem trabalhada e vai se surpreender com o Jack.

      Beijos!

      Excluir
  10. Olá!
    Apesar de adorar clichês, a história não me chama tanto a atenção. Mesmo entendendo o ressentimento de Cassie acho que ela me incomodaria muito com suas atitudes. Mas gostei de saber do amadurecimento do protagonista do primeiro livro para este.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Oi, Joanice!

    Gostei muito do enredo, sabe? Não achei assim tão clichê, não! Achei uma história muito bonita e interessante. Fiquei com muita vontade de lê-lo. Parabéns pela resenha incrível! Gosto muito do blog!

    Beijos!

    Eliziane Dias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, gatona

      Eu também não achei clichê, porque o Jack é diferente dos mocinhos que vemos por aí e ele cativa pela forma emotiva de ser.

      Beijos!

      Excluir
  12. Oie! Este é o tipo de livro que me atrai, gosto destes romances que posso ler numa tarde, tipo sessão da tarde. Obrigada por avisar do início mais lento - é bom estar preparada e saber que o melhor está por vir. Obrigada! Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Disponha!

      É lerdinho, mas depois é fluído e gostoso de ler.

      Beijos!

      Excluir
  13. Olá, tudo bem? De início não percebi que era um livro de uma série, mas no final eu vi hehehe É um livro que se encaixa bem no que eu gosto, apesar de você falar que o início é meio lerdo e confesso que livros assim acabo largando hehe Vou dar uma chance por isso dica anotada <3
    Adorei!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Perdão pelo esquecimento de avisar que era uma série...fiquei até envergonhada haha

      É bem gostoso de ler!

      Beijos!

      Excluir
  14. Oi, tu acredita que nunca ouvi falar desses livros?
    Eu adoro romances, em qualquer gênero literário, mas esse não me prendeu,pois é parecido com vários outros que conheço e queria algo novo. Mesmo assim, amei a resenha, na verdade, leria o livro só pela sua sinceridade.

    ResponderExcluir
  15. Oie, tudo bem? Diferente de você, sou uma leitora que é cativada pelas capas, então quanto mais linda, mais fácil será eu gostar da história rs Ainda não conhecia o livro, mas pela sua resenha parece ser uma história de amor bem intensa. Achei diferente essa transição de visão no decorrer do livro, onde conseguimos ver a opinião de ambos. A resenha ficou bem escrita. Beijos, Érika ^^

    ResponderExcluir
  16. Oie!

    Tenho certeza que essa insegurança desse personagem me incomodaria durante a leitura, mas não me afastaria de conhecer a obra.
    SIM, essas capas são horriveis hahahaha. Mas parece que o enredo vale a pena!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  17. Oie... A J Sterling é uma fofa, curto as histórias dela, mas esse segundo livro especificamente é meio cansativo. Eu acho que ela fechou bem a história, mas se fosse uma duologia seria suficiente.
    A resenha ficou ótima e eu adorei as fotos.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você que nem eu nessa parte que deveria terminar nesse segundo livro.
      Espero que o terceiro seja só uma continuação da história, mas foque no Dean e na Mel.

      Beijos!

      Excluir
  18. Não conhecia o livro, nem li o primeiro da série, mas a premissa me agradou, gosto quando abordam relacionamentos. Obs.: adorei a escrita da resenhas e as fotos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelos elogios!

      Espero que de uma chance aos livros!
      Beijocas!

      Excluir
  19. Que bom que tem mais a visão do Jack, afinal é ele que amadurece e adoro quando dá pra perceber isso nos personagens. Tenho o primeiro livro da série e pretendo ler em breve. Amei suas fotos!

    ResponderExcluir
  20. Oi Joanice, sua linda, tudo bem?
    Gente, não entendi porque ele teve que casar, ele poderia apenas assumir o filho e ficar com quem ele realmente amava. E pelo o que você contou, ela vai passar horrores para ficar com ele, por todo o assédio da mídia, fãs e essas esposas dos jogadores. Estou louca para ler essa trilogia!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Olá,

    Li sua resenha bem por cima, pois não quis saber de mais sobre a história. Tenho curiosidade em relação a essa série, mas ainda não comecei a ler o primeiro livro, espero mudar isso muito em breve. Não tenho o hábito de ler livros com atletas, mas todos os que já li gostei bastante.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  22. Olá,

    Não conhecia o livro, mas gostei muito da premissa e suas impressões me deixaram curiosa pela história.

    ResponderExcluir
  23. Olá...
    Aí eu tenho muita mais muita vontade de ler essa série a anos. ADOREI depois de muito tempo finalmente encontrar uma resenha sobre a história.
    Sua resenha está muito boa, parabéns... Atiçou o bichinho da vontade de novo.

    Beijos

    ResponderExcluir