07/04/2017

[RESENHA #221] A ESPADA JURAMENTADA - GEORGE R. R. MARTIN


Título: A Espada Juramentada - Livro II
Autor: George R. R. Martin
Editora: Leya
Páginas: 146
Ano: 2014
ISBN: 9788544100301
Onde Comprar: Amazon - Saraiva

Sinopse: A Espada Juramentada , a adaptação gráfica de uma das histórias que antecede em cem anos os acontecimentos da série, As Crônicas de Gelo e Fogo, traz as aventuras de Sir Duncan e seu escudeiro, Egg, em busca da honra e da glória dos Sete Reinos.

Depois das mortes, surpresas e atos heroicos de O Cavaleiro Andante , Dunk e Egg continuam sua jornada para encontrar o marionetista Tanselle. Ao longo do caminho, o cavaleiro idoso Sir Eustace coloca os dois sob seu comando junto com outro cavaleiro, que cheira a problemas. A paz é sempre uma ilusão para Dunk e Egg, que logo são envolvidos em intrigas da nobreza local, enquanto uma ameaça maior e mais perigosa ameaça desvendar verdades de longa data da Batalha de Redgrass Field.

No clássico de George R.R. Martin a distinção entre heróis e vilões nunca é bem definida, e as alianças políticas ameaçam o que há de mais profundo. No entanto, Dunk e Egg precisam seguir em frente e cumprir seus destinos. Junte-se a eles em mais uma aventura em um mundo agora familiar, mas que passa por um momento totalmente novo!

Resenha: Os eventos em A Espada Juramentada, ocorrem dois anos após aqueles narrados em "O Cavaleiro Andante". Nessa história acompanhamos novamente Dunk (Sor Duncan) e seu jovem escudeiro Egg (Aegon Targaryen). O cavaleiro e seu escudeiro servem agora Sor Eutace Osgrey, um velho e solitário senhor que teve seus tempos de glória, mas devido alguns acontecimentos no passado, sua vida agora está fadada ao fracasso e esquecimento.

"Algumas vezes Egg era tão sábio quanto um meistre, mas outras vezes ainda era um garoto de dez anos."

Em certo momento, Dunk descobre que a casa vizinha de Osgrey, os Webber, está roubando a água deles, algo ocasionado pelo desvio de um riacho. Dunk com Sor Bennis vão averiguar a situação e Dunk se vê envolvido em uma confusão ocasionada por Bennis, algo que gera fúria na líder dos Webber, a temida Viúva Vermelha, conhecida por ser uma pessoa cruel.

"Corvos sempre bicavam os olhos do cadáver em primeiro lugar, ouvi dizer, mas talvez a língua viesse em seguida."

Desse momento em diante, Dunk vê a sua lealdade ao Sor Eustace colocada em teste, em prova, pois precisa negociar com a Viúva Vermelha (Rohanne) uma forma de compensar os atos causados por Bennis, bem como o desvio do riacho que está prejudicando as terras de Sor Eustace. 

Contudo a prova de lealdade de Dunk para com Sor Estace Osgrey não para por ai, pois Dunk descobre alguns acontecimentos do passado do seu senhorio, algo que abala Dunk profundamente e ele precisa lidar com isso, para decidir se continua servindo o mesmo ou não. Enquanto acompanhamos as disputas entre as casas de Osgrey e Webber, alguns flashbacks da Rebelião de Blackfyre são narrados por Sor Eustace Osgrey, ligando o passado ao presente e as consequências geradas.

Opinião: A Espada Juramentada é outra bela obra de George R. R. Martin, a narrativa é fluida e o desenvolvimento dos cenários, bem como as descrições apresentadas, aliado aos diálogos que envolvem Dunk, Egg, Bennis, Sor Eustace e a Víuva Vermelha, são bem envolventes, levando o leitor a mergulhar nesse universo de Westeros, precisamente nos sete reinos.
Durante a leitura, o leitor se depara com uma grande quantidade de personagens e casas que foram importantes ao longo da história nesse universo criado por Martin. O presente conto, assim como O Cavaleiro Andante, tem seus momentos divertidos, bem como momentos de ação e violência.
A Espada Juramentada é um conto que possibilita o leitor a conhecer um pouco mais sobre a temida e respeitada dinastia dos Targaryen, mas também leva ao leitor informações sobre a Rebelião dos Blackfyre, apresentando um pouco da linhagem deles. Recomendo a leitura de A Espada Juramentada para todos aqueles que gostam das Crônicas de Gelo e Fogo, bem como para aqueles que querem conhecer um pouco mais sobre a história dos Sete Reinos.
O projeto gráfico apresentado pela Leya na presente obra mantém o alto nível de qualidade apresentado em O Cavaleiro Andante. Não encontrei erros de revisão e a diagramação está muito boa. As artes e desenhos são coloridos, a HQ ficou maravilhosa. As folhas são de qualidade e a edição vem com orelhas, o quadrinho está espetacular. Por fim, deixo meus agradecimentos à editora Leya pela parceria e pelo quadrinho. Confira nossa resenha de O Cavaleiro Andante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

INSTAGRAM

Publicações Recentes

recentposts

Publicações Populares