[RESENHA #290] PROMETO PERDER - PEDRO CHAGAS FREITAS - Saga Literária

Novidades

quarta-feira, julho 26, 2017

[RESENHA #290] PROMETO PERDER - PEDRO CHAGAS FREITAS


Título: Prometo Perder
Autor: Pedro Chagas Freitas
Editora: Verus
Páginas: 308
Ano: 2017
ISBN: 9788576865810
Onde ComprarAmazon

Sinopse
A mais recente incursão do escritor português, que é sucesso na internet, por um universo poético e cheio de sensações, do qual leitor algum sairá o mesmo. Em uma viagem intimista e desconcertante, Pedro Chagas Freitas caminha, em Prometo perder, até o interior da emoção: da saudade ao desejo, da rebeldia à submissão, da dor ao amor, nada ficará por tocar. Permita-se sentir. “Prometo perder. Prometo por vezes fraquejar, por vezes cair, por vezes ser incapaz de ganhar. Nem sempre conseguirei superar, nem sempre conseguirei ultrapassar. Nem sempre poderei ser capaz de ir tão longe como você me pede, de te dar exatamente o que você merecia que eu te desse. O que desesperadamente te quero dar. Nem sempre conseguirei sorrir, também. Prometo perder. Prometo ainda me manter vivo depois de cada derrota, resistir ao peso insustentável de cada impossibilidade. Há de haver momentos em que sem querer te magoarei, momentos em que sem querer tocarei no lado errado da ferida. Mas o que nunca vai acontecer é desistir só porque perdi, parar só porque é mais fácil, ceder só porque dói construir. Prometo perder. Porque só quem ama corre o risco de perder; os outros correm apenas o risco de continuar perdidos. Prometo perder. Porque só quem nunca amou nunca perdeu.”

Resenha: Pedro Chagas Freitas responsável por Promete Falhar que conquistou milhares de leitores, dessa vez nos traz Prometo Perder, um livro repleto de crônicas que abordam temas como o amor, amizade, o cotidiano, comportamento humano, hábitos, perdão e a vida de forma geral. Durante a leitura os narradores oscilam entre mulheres, homens, algumas vezes crianças e até mesmo idosos.

O livro é formado por textos em forma de carta e o autor nos apresenta as histórias de uma forma poética, permitindo ao leitor viajar por um universo diversificado, enquanto refletimos sobre os mais diversos sentimentos. É possível ao longo da leitura, ou ao menos essa foi a minha sensação, que o autor vivenciou um grande amor e sofreu por amar em determinado momento. 
"O passado sobrepõe-se, teimoso, e damos por nós a perceber que já não somos crianças, que já não somos sequer jovens. O tempo passa e nos leva com ele. Ganhamos tanto e fica sempre a sensação de que perdemos tanto também. A vida prossegue e o corpo prossegue. [...]" p. 41.

Algumas crônicas que o autor nos apresenta são bem humoradas mas em outras, existe aquele clima dramático no ar. É interessante dizer que, no decorrer da leitura, existe algo em comum nos diversos textos apresentados; a idade, não física, mas mental, já que podemos ser jovens mesmo em uma idade avançada. Essas crônicas ainda leva ao leitor a necessidade de sonhar, mas principalmente viver os nossos sonhos.

Opinião: Prometo Perder foi a minha primeira experiência e contato com a escrita de Pedro, confesso que foi uma leitura prazerosa e o autor conseguiu trabalhar as minhas emoções. A leitura fluiu de forma espetacular e os textos são compreensíveis. O livro tem diversas e lindas frases que nos tocam e inspiram. Pedro é sutil em suas palavras, nos passa a sensação de estarmos sentados com ele, em uma conversa informal e descontraída.
O autor insere um estilo poético que valoriza ainda mais a leitura e as diversas mensagens sobre temas comuns em nossa sociedade. Os textos são aleatórios e bem reflexivos, Pedro nos mostra a necessidade de encontrarmos o amor de nossas vidas, de lutar para realizar os sonhos que temos, para fazer o que nos deixa feliz e não o que a sociedade quer nos impor. Outro aspecto importante é a necessidade de vencermos os obstáculos da vida, os medos que temos e que nos impede de crescer e realizar o que queremos.
Essa foi uma leitura maravilhosa, recomendo para você presentear quem gosta de leituras leve e reflexivas ou apenas para quem goste de uma boa leitura. Prometo Perder é um livro que deve ser lido por todos, toca direto em nossas emoções e com muitas lições de vida que vai te fazer ver o mundo de outra maneira.
Sobre a Edição: A Verus caprichou no projeto gráfico e a diagramação está impecável. A capa está bonita, fonte e espaçamento em tamanho confortável e não encontrei erros de revisão. Os capítulos são curtos e as folhas amareladas, detalhes que proporcionam uma rápida leitura. Agradeço ao Grupo Editorial Record por nos enviar o livro.
Sobre o Autor: Pedro Chagas Freitas nasceu em Guimarães (Portugal), estudou linguística na Universidade Nova de Lisboa entre os anos de 1998 e 2002. Em 2001 começou a escrever para o jornal "A Bola" e em 2003 para o jornal "Desportivo de Guimarães". Publicou crônicas de ficção e reflexão no jornal "Povo de Guimarães" entre 2003 e 2007. Já publicou mais de 20 obras em Portugal e no Brasil seus livros foram publicados pelas editoras Novo Conceito e Verus Editora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário