[RESENHA #424] DEIXADA PARA TRÁS - CHARLIE DONLEA - Saga Literária

Novidades

Home Top Ad

Post Top Ad

domingo, fevereiro 18, 2018

[RESENHA #424] DEIXADA PARA TRÁS - CHARLIE DONLEA


Título: Deixada Para Trás
Autor: Charlie Donlea
Editora: Faro Editorial
Páginas: 368
Ano: 2017

ISBN: 9788595810082
Onde Comprar: Amazon - Saraiva


Sinopse: 
Duas colegas são raptadas. Megan foge e, um ano depois, escreve um livro que se torna um sucesso. Um detalhe inconveniente: Nicole continua desaparecida. Nicole e Megan são alunas do último ano da high school de Emerson Bay, uma cidadezinha na Carolina do Norte. Certa noite de verão, elas desaparecem de uma festa à beira do lago. A polícia realiza uma busca intensa, mas não encontra nenhuma pista. Quando já haviam perdido as esperanças de encontrá-las com vida, Megan aparece, milagrosamente, ao conseguir escapar do cativeiro escondido nas profundezas da mata. Um ano depois, Megan lança um livro contando o seu martírio naquelas duas semanas, e, imediatamente, ele se torna um best-seller e a converte de uma heroína local em celebridade nacional. 

Resenha: Charlie Donlea traz a história de duas adolescentes em Deixada para trás, trata-se das jovens Megan McDonald e Nicole Cutty, elas não possuem muito em comum e apresentam personalidades completamente opostas. Nicole é uma jovem impulsiva e às vezes agressiva, já Megan vive sorrindo, é certinha, gentil e pode ser considerada uma garota perfeita, ela é filha do xerife de Emerson Bay. As garotas estudavam na mesma escola e apesar de serem amigas no passado, agora o que existe é um clima de rivalidade entre elas com Nicole buscando irritar Megan de todas as formas.

Em uma certa noite, durante uma festa à beira de um lago, a vida das jovens muda completamente, pois elas desaparecem, elas são misteriosamente sequestradas. A população e a polícia local empregam uma busca pelas garotas, contudo nenhum sinal ou rastros são encontrados, o paredeiro delas é um completo mistério. Após algum tempo, todo mundo vai perdendo a esperança de encontrar as garotas. Contudo, duas semanas após ser sequestrada, Megan consegue escapar do cativeiro e em sua fuga é ajudada por um homem misterioso que ela encontra na estrada, com essa ajuda ela consegue retornar em segurança para a sua casa.

"Deixou cair no chão o saco e andou na ponta dos pés até a porta do bunker. Surpresa de vê-la entreaberta, pôs o rosto no espaço entre a porta e o batente, e olhou para a floresta escura enquanto a chuva caía torrencialmente sobre as árvores." p. 9.
Após voltar para a casa, Megan precisa enfrentar os traumas do sequestro enquanto tenta retornar para a sua rotina, mas as coisas nunca serão mais as mesmas. Após um ano do fatídico sequestro, Megan decide escrever um livro chamado Desaparecidas, neste livro ela vai contar as suas lembranças e experiências desse período triste em que ficou presa até o momento de sua fuga para a liberdade. Após a publicação do seu livro, este rapidamente torna-se um enorme sucesso e coloca Megan na lista das autoras best-seller.

"Essa entrevista só podia incluir os detalhes mais belos. As partes inspiradoras. A fuga heroica, o futuro brilhante e as garotas que, com certeza, seriam ajudadas pelo livro. A entrevista dessa manhã foi uma conclusão do drama de Megan McDonald e tinha de acabar com sucesso. Não podia incluir nenhum elemento desagradável que ainda perdurasse a respeito daquele verão. Sobretudo acerca de Nicole. Nicole Cutty sumira. Essa não era uma história de sucesso." p. 16.

Em meio ao sucesso de Megan conhecemos Livia, ela é a irmã mais velha de Nicole e há tempos saiu da casa dos pais para se especializar em patologia forese. Após passar um ano do sequestro, Nicole ainda continua desaparecida e esse sequestro deixou marcas profundas na vida de Lívia que questiona inclusive o quanto foi presente na vida da irmã, o quanto de atenção deu para Nicole e se o sequestro poderia ser evitado. Livia como perita forense espera que um dia possa rever a irmã, mesmo que seja apenas o corpo dela sem vida para que possa analisar o que de fato aconteceu com ela. Um dia uma enorme surpresa surge em seu caminho, pois Livia acreditando que seria apenas mais um dia qualquer abrindo corpos, encontra uma pista no corpo de um jovem  que está ligado ao passado da irmã.
"Fugir de algo implantado na memória era como tentar passar por um espelho sem ver o reflexo." p. 102.

Essa é a primeira pista que surge sobre o caso de desaparecimento da sua irmã, já que desde o sequestro não havia qualquer novidade. Livia resolve pedir ajuda e vai ao encontro de Megan com o objetivo de saber mais sobre a fatídica noite em que elas foram capturadas. Determinada e em busca da verdade, Livia embarca em uma jornada para descobrir tudo sobre o passado da irmã e sobre um grupo que ela estava envolvida, mas é com a ajuda de Megan que a perita forense realmente vai fazer progressos em suas investigações e aos poucos vai realizar descobertas chocantes e bizarras, fatos do passado que são realmente assustadores.
Opinião: Com uma narrativa em terceira pessoas, Charlie Donlea nos conta essa história através dos olhares de Nicole e Livia, mas também em alguns momentos pelo ponto de vista de Megan e eu achei essa escolha particularmente interessante. O autor criou uma trama repleta de reviravoltas, isso me deixou curioso e apreensivo, pois eu queria saber tão logo o que iria acontecer com as personagens. A leitura fluiu muito bem, essa é uma trama bem construída e em alguns momentos é um pouco sombria, eu achei bem legal o autor utilizar de flashbacks na história. Outro ponto positivo são os detalhes e descrições que Donlea realiza sobre as dissecações realizadas por Livia. Eu já conhecia a escrita do autor pelo livro A Garota do Lago, mas ainda assim eu fiquei surpreendido com a alta qualidade desse livro, pois essa foi uma leitura empolgante e repleta de mistérios. Super recomendo a leitura de Deixada para trás, esse é um livro fantástico!
Sobre a Edição: A Faro Editorial novamente realiza um excelente trabalho, o projeto gráfico vem demonstrar toda a competência da editora, a capa ficou muito bonita, a diagramação ficou ótima, a gramatura das folhas ficou muito boa e temos marcações nas páginas (cores diferentes) retratando o passado e presente. A revisão ficou muito boa, a fonte e o espaçamento ficaram em tamanho super confortável. Todos os elementos apresentados na edição combinam muito bem com a história apresentada.
Sobre o Autor: Charlie Donlea vive em Chicago com sua esposa e dois filhos. Um de seus hobbies é pescar em lugares praticamente desertos do Canadá. Quando decidiu escrever seu primeiro livro, ele se preparou para produzir algo como tudo o que gosta de encontrar nos seus filmes e livros prediletos: uma história capaz de deixar o leitor refletindo sobre ela por muito tempo.

5 comentários:

  1. Olá!
    Não conhecia nada a respeito desse livro, mas já amei!!
    Em um primeiro momento achei que seria uma história "mais do mesmo", porém sua resenha me motivou a ler esse livro que parece ser muito bom mesmo e diferente de tudo o que já li desse gênero.
    Obrigada pela dica! =D

    ResponderExcluir
  2. Mão tive oportunidade de conhecer o trabalho do autor ainda, mas estou com boas expectativas a respeito dos livros. Interessante este lance do flashback, particularmente adoro este recurso, sem falar no fato dele apresentar o ponto de vista de mais de um personagem.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  3. Estava esperando para ler uma boa resenha desse livro, não nego que inicialmente o que me chamou atenção foi a capa, mas lendo sua resenha, me apropriando mais da história, sei que a possibilidade de eu curtir a leitura é bem forte.

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    A Faro tem se destacado com grandes promessas de suspense que tem me chamado atenção. Hoje mesmo estava procurando sobre esse livro pra comprar. Acredito que deve ser uma leitura bem cheia de reviravoltas e por sua resenha certamente vou gostar.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Realmente a Faro só tem recebido elogios quanto suas edições, eu mesma estou com Orgulho e Preconceito lançado por eles em casa e olha, o livro é lindo. Quanto ao livro, eu não li ainda nada do autor, mas fiquei bem animada com o enredo e sua opinião super positiva a respeito da obra e do trabalho dele. Vou anotar a dica é pretendo não apenas ler, mas já vou indicar sua resenha para uma amiga que vai amar.

    Beijos

    ResponderExcluir

Post Bottom Ad