[RESENHA #559] NÃO CONFIE EM NINGUÉM - CHARLIE DONLEA - Saga Literária

Breaking

quarta-feira, 17 de outubro de 2018

[RESENHA #559] NÃO CONFIE EM NINGUÉM - CHARLIE DONLEA


Título: Não Confie em Ninguém
Autor: Charlie Donlea
Tradução: Carlos Szlak
Editora: Faro Editorial
Páginas: 352
Ano: 2018
ISBN: 9788595810433
Onde Comprar: Amazon - Saraiva

Sinopse: O melhor livro de Charlie Donlea - até agora. O destino de Grace Sebold toma um rumo inesperado durante uma tranquila viagem com o namorado. O rapaz é assassinado. E ela é condenada pelo crime. Depois de dez anos na prisão, surge a chance de Grace provar sua inocência ao conhecer a cineasta Sidney. Em um documentário que exibe as falhas do processo, a cineasta questiona se a condenação foi fruto de incompetência policial ou se a jovem foi vítima de uma conspiração. Antes do término das filmagens, o clamor popular leva o caso ser reaberto, mas um novo fato provoca uma reviravolta: Sidney recebe uma carta anônima afirmando que ela está sendo enganada pela assassina. A cineasta começa a investigar o passado de Grace e quanto mais se aprofunda na história, mais dúvidas aparecem. No entanto, agora, o que está em jogo não é apenas a repentina fama e carreira, mas sua própria vida. 


Resenha: Não Confie em Ninguém foi escrito pelo autor estadunidense Charlie Donlea e é o terceiro livro dele publicado aqui no Brasil, todos pela Faro Editorial. Aqui conhecemos a vida e história de Grace Sebold, uma jovem que sofreu um grande baque em sua vida quando ela viaja para a ilha de Santa Lúcia no Caribe, acompanhada de dois amigos, familiares e do namorado Julian Crist para o casamento de um casal de amigos, Charlotte e Daniel Greaves. Durante essa viagem Grace perde o seu namorado e é acusada de seu assassinato; as provas são irrefutáveis e como consequência ela é condenada pelo crime de homicídio perdendo a sua liberdade.

"A Organização denunciou o uso de técnicas ilegais de interrogatório e de falsos testemunhos de peritos para conseguir uma condenação. Segundo a organização, o governo de Santa Lúcia quis solucionar rapidamente o caso da morte de Julian Crist, para que a ilha não sofresse uma queda no turismo." p. 37.
O grande problema é que Grace alega com veemência que não matou o namorado, e depois de aproximadamente dez anos alguém finalmente resolve dar a atenção aos apelos dela, é a produtora Sidney Ryan que resolve apostar na inocência de Grace. A produtora ficou famosa por realizar documentários onde demonstra pessoas que foram acusadas e condenadas por crimes de que não cometeram, o que levou a cumprirem penas de reclusão de forma injusta. Sidney decide acreditar e apostar no caso de Grace. 

Ambiciosa, ela produz a série A Garota de Sugar Beach baseada no caso de Grace e esse documentário é exibido quase em tempo real, assim os telespectadores podem acompanhar a investigação e descobertas aos poucos. Enquanto Sidney aprofunda nas investigações, mais injustiças e bizarrices vem à tona, inclusive diversas falhas e discrepâncias no inquérito policial. Mas a produtora encontra-se em um dilema, ela deve expor toda a verdade descoberta e colocar a sua vida em risco ou deverá manter oculta todas essas informações que podem dar a liberdade tão desejada por Grace e ficar segura?
Opinião: Falar da escrita do Charlie Donlea é chover no molhado, o autor nos apresenta novamente um enredo bem construído, uma trama envolvente e fluida. Narrado em terceira pessoa, o autor nos apresenta diversas perspectivas sob o ponto de vista de uma boa gama de personagens que por sinal são importantes dentro dessa narrativa e não carecem de profundidade, pois apresentam peculiaridades próprias. Outro aspecto que achei particularmente interessante foi a aparição de uma personagem que está presente na trama do livro Deixada para Trás.

Não Confie em Ninguém é um bom livro de suspense e merece elogios por prender a atenção e deixar o leitor instigado e curioso sobre os desdobramentos na história. A trama é repleta de reviravoltas e isso é algo extremamente importante em livros de suspense e mistérios, além do mais, conta também com um final de tirar o fôlego. Outro aspecto que achei bem legal é o fato da vida de Grace receber um documentário e tamanho é o sucesso do trabalho da produção que gera uma enorme comoção popular, praticamente obrigando que as autoridades reabrissem o caso na base da força. O autor aborda diversos temas no presente livro como: impunidade, injustiça, culpa, remorso e lealdade. Em suma, esse é um livro viciante e super recomendo para quem ama suspense/thriller!
Sobre a Edição: A Faro Editorial mais uma vez merece os louros pela belíssima e bem trabalhada edição que leva aos seus leitores. A capa ficou bem legal e instigante, a diagramação está impecável e conta com páginas amarelas (papel pólen), a fonte está bem confortável e a revisão ficou excelente. Novamente a Faro dá um show!
Sobre o Autor: Charlie Donlea vive em Chicago com sua esposa e dois filhos. Um de seus hobbies é pescar em lugares praticamente desertos do Canadá. Essas viagens por estradas paradisíacas inspiraram o cenário para o seu livro de estreia. Ávido leitor, é também apaixonado. Quando decidiu escrever seu primeiro livro, ele se preparou para produzir algo como tudo o que gosta de encontrar nos seus filmes e livros prediletos: uma história capaz de deixar o leitor refletindo sobre ela por muito tempo.

19 comentários:

  1. Olá Yvens!
    Esse livro tem me chamado bastante atenção. Como adoro suspense, já fiquei curiosa para saber mais do caso Grace e conhecer a escrita do autor. Tenho os dois primeiros livros do Charlie na estante e ainda não consegui pegar para ler, mas saber que a leitura desse livro deixa o leitor preso na narrativa me deixa animada.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  2. Esse livro foi um dos melhores que li esse ano!!! Também adorei a dobradinha de personagens de Deixada Para Trás. Eu quero a continuação desse livro..

    ResponderExcluir
  3. Interessantíssimo. Engraçado como essa resenha chegou no tempo certo, eu assisti uma série mexicana recentemente que tem uma premissa parecida, mas, nesse caso é a mulher do presidente que é acusada de matá-lo. Eu curti que a proposta do livro coloca um universo bem real, inclusive na produtora que opta por colocar isso na TV. Acho que deve ser um triller incrível, vou colocar na minha lista.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Yvens! :D
    Nunca me interessei muito pelo gênero thriller, mas ultimamente tenho visto alguns livros com premissas bem originais nessa temática e isso têm me chamado a atenção, assim como esse livro da sua resenha. Achei bem criativo do autor essa ideia de uma investigação que envolve a produção de um documentário durante o processo e fiquei imaginando o quão complicado deve ser o trabalho de Sidney com essa dúvida que paira no ar sobre o assassinato. Acho que eu gostaria muito de ler esse livro! Obrigada pela dica! Beijos!

    Jéssica Martins
    castelodoimaginario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Essa é a segunda resenha que leio sobre esse livro e estou com ainda mais vontade de lê-lo!! ADORO um bom suspense e esse em específico lembra muito um caso real que ocorreu no começo dos anos 2000 lá na Itália... Não vejo a hora de ter oportunidade de fazer essa leitura!

    ResponderExcluir
  6. Uau, já quero esse livro para agora!
    Amo suspense e esse parece ser do jeito que gosto.
    Imagino o desespero de perder alguém que ama e ainda ser avisada por isso. Que triste!
    Vou anotar sua dica e espero ler logo e me surpreender.
    Amei sua resenha, beijos!

    ResponderExcluir
  7. oi, Yvens. poxa, essa leitura deve ser de tirar o fôlego, curti a premissa dele... nossa, não consigo me ver numa situação como a da acusada... passar esse tempo todo presa por algo que ela não fez... poutz...

    espero que saiam logo outros titulos do autor...
    bjs :D

    ResponderExcluir
  8. Oiiii,

    Este não é um gênero com o qual eu tenha muita intimidade, para falar bem a verdade eu quase nunca leio. Mas a história parece ser muito interessante, principalmente porque quando mais a cineasta vai descobrindo mais coisas estranhas aprecem. E fiquei curiosa pra saber também o que realmente aconteceu no dia do assassinato rs. Anotei a dica pra quando estiver procurando alguma história pra fugir da minha zona de conforto.

    Beijinhos...
    http://www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Não conhecia Charles Dolea e não tem como não ficar instigada a ler já que amo um suspense e também pelos temas que ele aborda. Gostei!
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Olá, Yvens!

    Eu sou completamente apaixonada por suspenses e já esbarrei nesse livro algumas vezes, mas sempre resisti a comprá-lo porque tenho uma lista desejados que não para de crescer.rsrs A trama deste livro me lembra Cilada, do Harlan Coben, embora caminhe para um lado muito diferente da outra história.

    Às vezes eu paro para pensar em como o sistema penal, não só do Brasil, mas de diversas partes do mundo é extremamente falho. E quantas pessoas acabam sendo condenadas injustamente. :( Talvez não seja o caso dessa história, talvez a personagem tenha mesmo cometido o crime pelo qual foi condenada, mas na vida real muitas injustiças são cometidas.

    É uma história que me interessa muito e sei que um dia acabarei lendo.

    Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Oi, Yvens! Já li algumas resenhas que recomendam fortemente esse livro. A sua também está me convencendo a ler, já que o autor pelo visto sabe o que faz quando se propõe a um bom thriller.
    Bjos
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  12. Só de ler a resenha já senti calafrios. Parece ser um livro incrível e já estou curiosa para saber o final. Achei bem interessante a premissa, é diferente do que venho lendo em Thrillers. Nunca li nada do autor, mesmo conhecendo alguns livros dele. Acho que agora é a hora de dar uma chance :)
    Gostei bastante da resenha.
    Beijinhos.

    http://ultimasfolhasdooutono.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Eu estou com essa obra na minha lista para 2019, pois esse ano infelizmente não consegui lê-lo e estou muito curioso para saber da trama na íntegra. Parabéns pela resenha, ficou ótima e aguçou mais a minha vontade de ler o livro.

    ResponderExcluir
  14. Vi algumas pessoas falando desse livro e elogiando a história, adoro suspense e thriller e já adicionei na minha lista de desejos e futuras leituras. Adoro leituras que deixam o leitor instigado e viciado na leitura, acho que vou amar o livro.

    Beijos,

    Rafa - Fascinada por Histórias

    ResponderExcluir
  15. Já vi bastante críticas desse livro, e fiquei bem curiosa para saber que final vai ser destinado para Grace. Quero ver se começo a ler algo desse gênero, acabo ficando muito tempo presa em um romance.

    Adorei a sua resenha e ela me deixou bastante curiosa para ler. Beijos

    ResponderExcluir
  16. Oi Yvens,
    eu sou uma das que adoro thrillers. Ainda não consegui ler nenhum livro desse autor, mas toda vez que a editora lança mais um fico louca para ler. Nossa, somente dez anos depois é que alguém resolver acreditar nela? Já pensou conseguir as provas para soltar alguém e temer pela própria vida? Espero poder ler em breve. Parabéns pela resenha.
    bjs.
    Pri.
    https://nastuaspaginas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  17. Olá, tudo bom?
    Atualmente estou lendo muitos Thrillers e esse é um dos que está em minha lista de leitura e que quero muito conferir! Adorei saber o quão boa é a escrita do autor e também de sua habilidade para desenvolver a trama e criar seus personagens. Mal posso esperar para conferir ♥
    Beijos!

    ResponderExcluir
  18. Esse é um livro que quero muito ler, só de ler a sinopse e a resenha já fico curiosa para descobrir qual será o desdobramento do caso, se a personagem é ou não culpada, e sabendo que tem essas reviravoltas, a história me parece ainda mais interessante.

    ResponderExcluir
  19. Eu ando muito animada com a leitura de trillhers e esse aqui me encheu de curiosidade por você ter citado que tem muitas reviravoltas. Gosto neste estilo. Beijos

    ResponderExcluir