[RESENHA #612] EM BUSCA DE WATERSHIP DOWN - RICHARD ADAMS - Saga Literária

Novidades

14 de fevereiro de 2019

[RESENHA #612] EM BUSCA DE WATERSHIP DOWN - RICHARD ADAMS


Título: Em Busca de Watership Down
Autor: Richard Adams
Tradução: Rogério Galindo

Editora: Planeta
Páginas: 464
Acabamento: Capa dura
Ano: 2017
ISBN: 9788542210965
Onde Comprar: Amazon - Saraiva



Sinopse: 
Um dos maiores clássicos de fantasia nos países de língua inglesa, “Em busca de Watership Down” é uma fábula sombria sobre coragem e sobrevivência Quando um coelho vidente prevê a destruição da toca onde vive, ele se une a seus amigos para achar uma nova casa. No caminho rumo à mítica colina de Watership Down, enfrentam rivais e armadilhas. Mas, mesmo depois de chegarem e, teoricamente, encontrarem um lugar seguro para viver, precisarão lutar para salvar a colônia vizinha e repopular a própria comunidade. Em busca de Watership Down fala de dominação e opressão, de fascismo e utopia, de mitologia e delírio coletivo, de sentimento de comunidade e de loucura. No Reino Unido, ocupa o segundo lugar entre os juvenis de fantasia mais vendidos do século XX, atrás apenas da saga Harry Potter. Em 2017, a Netflix anunciou o lançamento de uma série de animação baseada no livro. 

Resenha: Em Busca de Watership Down foi publicado originalmente em 1972 e é considerado um clássico da literatura infantil. O autor inglês Richard Adams escreveu essa obra para as suas filhas, ele inventava histórias para a distração delas enquanto viajavam de carro. Na época o autor tinha 52 anos e as histórias envolviam aventuras violentas e assustadoras com coelhos, até que um dia elas disseram que eram boas o suficiente para ele transformar esses contos em um livro.

"Não havia prímulas. Perto do limite do bosque, onde um descampado descia rumo a uma velha cerca e a uma vala com espinhos mais adiante, somente uns poucos trechos pálidos amarelo ainda se mostravam entre as ervas-mercúrio e as raízes de carvalhos. Do outro lado da cerca, a parte de cima do campo estava cheia de tocas de coelhos [...]" p. 17.
Tudo começa em um viveiro para coelhos selvagens, é lá que Avelã escuta Quinto relatar a visão que teve do seu viveiro destruído e Quinto tem sonhos proféticos. O coelho fala de sua premonição e que os humanos virão para destruir toda aquela região em que se encontram para construírem residências, mas o pior estava por vir,  pois todos os coelhos seriam dizimados nesse processo. Preocupado e decidido, Avelã resolve se mudar e se estabelecer em uma terra segura chamada Watership Down, mas, o problema era como convencer os outros coelhos disso, pois essa não seria uma tarefa fácil e ele tem como argumento apenas os "sonhos" do irmão Quinto. Avelã consegue convencer apenas um pequeno grupo composto de nove coelhos.

"No bosque havia pouco ou nenhum mato, mas pelo menos os galhos ofereciam proteção contra as ameaças do céu: e eles perceberam que pequenos falcões eram comuns naquela região erma. Embora essas aves dificilmente cacem animai maiores do que ratos, às vezes atacam coelhos jovens [...]" p. 139.

Durante a jornada para encontrar um novo lar, os coelhos enfrentam o medo, predadores e perigos jamais imaginados, pois tudo é novo e desconhecido, e tudo vai além do que eles viveram e esperavam. Os coelhos precisam antes lutar pela sobrevivência, devem demonstrar o seu valor, mas principalmente é necessário a união de todos e o trabalho em equipe para cumprirem o objetivo em comum que era encontrar a terra prometida e segura, onde todos os coelhos possam viver em tranquilidade e harmonia.
Opinião: Richard Adams nos demonstra como funciona a natureza em seu livro, em especial a cadeia alimentar. Fica claro que o autor realizou uma profunda pesquisa para escrever sobre os coelhos, passando pelos medos, gostos, características e hábitos, tudo isso sendo utilizado de forma positiva na trama. O autor também foi magistral e merece elogios por criar personagens carismáticos e marcantes, cada um deles apresentam suas peculiaridades, algo que é único e engrandece a trama. Avelã é o líder da comitiva, já Quinto é o profeta ou vidente e Topete é o guerreiro e vela pela segurança de todos. O interessante é que em cada aventura cada um dos integrantes da comitiva demonstram o seu valor.

Em Busca de Watership Down em princípio foi escrito para as crianças de décadas atrás, conta com uma aventura bem escrita e elaborada, tem um texto em certa feita denso e um vocabulário que conta com densidade, sem contar que a narrativa é bem detalhada e descritiva, isso a torna lenta, mas é algo necessário, pois o autor apresenta algumas críticas ao longo do livro, sejam elas sutis ou escancaradas. Adams fala também sobre temas como opressão e o facismo, temas esses que estão constantemente em debates mundo afora.

Outro aspecto não menos relevante são os cenários apresentados pelo autor, pois são belamente construídos e apresentam diversos detalhes. Isso ao meu ver é algo extremamente positivo, há quem não goste de narrativas detalhistas, mas eu gosto por me permitir vislumbrar e imaginar de forma mais tranquila por onde os personagens precisaram passar e o que eles tiveram que enfrentar nessa grande jornada por dias melhores.

Ainda sobre a trama, Adams está de parabéns por utilizar momentos distintos na história, como momentos de tranquilidade, situações divertidas, mas também ação e tensão nessa aventura. Eu acredito tranquilamente que Em Busca de Watership Down vai além de uma mera fábula ou uma simples aventura, tendo em vista que o autor nos proporciona momentos de reflexão e uma experiência ímpar. Esse é um livro que pode ser lido por pessoas de qualquer faixa etária e tem o poder dos grandes clássicos de séculos passados. Super Recomendo!
Sobre a Edição: A Planeta de Livros merece os louros e os parabéns por lançar uma edição tão bela como essa. A edição conta com acabamento em capa dura e a capa por sinal é linda e elegante, a fonte e o espaçamento ficaram confortáveis e seguem o padrão de outras edições da editora. Essa é uma edição de colecionador e sem sombra de dúvidas merece um espaço na sua estante tamanha beleza e detalhes que são apresentados.
Sobre o Autor: Adams nasceu em Newbury - a principal cidade do oeste do condado de Berkshire - Região Sudeste da Inglaterra. Serviu às Forças Armadas do Reino Unido de 1940 a 1946, durante a Segunda Guerra Mundial. Continuou seus estudos e em 1948 recebeu grau de mestre na Universidade de Oxford. Desde 1974, seguindo a publicação de seu segundo romance, Shardik, é escritor em tempo integral. Ele originalmente começou a contar a história de Watership Down para suas duas filhas, Juliet e Rosamund, e elas insistiram para que ele publicasse-as como um livro. Após dois anos para escrever, a obra foi rejeitada por treze editoras. Quando finalmente foi lançado, o livro vendeu mais de um milhão de cópias em tempo recorde tanto no Reino Unido quanto nos Estados Unidos.

5 comentários:

  1. Olá, tudo bem? Sempre tive curiosidade com esta obra pois acho a edição linda (de fato a editora está de parabéns e é o primeiro chamativo dela), mas confesso que fiquei com certos receios dessa escrita descritiva. Dependendo da forma como o autor trabalha, acho massante e posso acabar não curtindo. É fantasia, então fico incerta em dizer que nunca lerei pois posso acabar tentando alguma vez na vida, e sua resenha me deixou com uma pulga atrás da orelha. Ótimas palavras!
    Beijos,
    https://diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Achei interessante o fato do autor ter criado as histórias para as filhas dele. Enquanto lia a sua resenha fiquei imaginando as cenas descritas, realmente me interessei pela leitura. Dica mais que anotada

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  3. Um livro protagonizado por coelhos!!! Achei isso super interessante. Já fiquei curiosa para conferir a história toda e ver mais desses personagens peculiares. Ótima resenha.

    ResponderExcluir
  4. Mas, gente, que premissa curiosa e interessante. Eu não conhecia o livro, mas a resenha está tão convidativa que seria impossível eu não me interessar pela leitura. Achei a capa muito bonita.

    ResponderExcluir
  5. Olá tudo bem? Quero muito ler este livro mais ele é tao caro :/, enfim adorei a resenha a premissa dele me deixou mais curiosa ainda, tentei ver a série mais não consegui acho que me daria melhor lendo mesmo.

    ResponderExcluir

Páginas