[RESENHA #828] APRENDA A VIVER O AGORA - MONJA COEN


Sinopse: Monja Coen nos ensina a viver o presente a partir de princípios zen Quanto ao passado nada se pode fazer. O futuro é uma surpresa. O agora é mutável, é palpável, é real. Assuma o controle de sua vida ao entender que só pode ser dono do presente. Neste livro, Monja Coen demonstrará que é possível estar presente por completo em qualquer atividade. O agora é o único momento real que existe. O passado não pode ser refeito, o futuro nós ainda não sabemos como será. Porém, o presente é real, só depende de nós. Atualmente, as distrações diárias são infinitas. Por isso, o simples fato de estar 100% focado no agora é uma das capacidades mais importantes. Neste livro, a partir de conceitos do zen-budismo e do mindfulness (atenção plena), Coen Roshi ensinará como é possível estar presente no aqui e agora com técnicas rápidas e práticas que podem ser aplicadas no dia a dia. Seja no trânsito, no trabalho, no carro ou até mesmo em uma entrevista de emprego, com essas técnicas, qualquer um poderá se transformar no principal agente para construir sua história. Além disso, o livro traz um guia de meditação e invocações budistas para momentos de decisão.

Resenha/Opinião: Confesso que sou completamente suspeita para falar do trabalho da Monja Coen, sou uma admiradora há anos e cada palavra dela, seja escrita ou falada, me trazem uma sensação de paz e tranqüilidade, me fazem respirar e observar com mais cuidado a realidade a minha volta, me fazem desacelerar, literalmente.

No Aprenda a viver o agora, temos a instrução para nos dedicarmos a ter atenção plena em cada pequeno momento da vida. Gestos automáticos como acordar e pegar um ônibus devem ser observados, cada sensação, cada momento tem uma peculiaridade, precisamos estar atentos a todas as mudanças, e isso não quer dizer que precisamos nos manter em estado de alerta o tempo todo, muito pelo contrário, devemos aproveitar cada momento como único, porque ele realmente é único em nossa vida. Muitas vezes pela pressa e velocidade que a vida atual nos impõe acabamos não prestando atenção ao que nos acontece, as coisas simplesmente passam automaticamente como se não tivessem nenhum valor.


A narrativa é simples e a leitura é fácil e rápida. Durante a leitura já tentei empregar a ideia de atenção plena, não li vários capítulos em sequência, pela primeira vez posso dizer que degustei cada capítulo, refleti ao final de cada um deles, foi uma experiência nova e posso dizer que muito prazerosa. Percebi que eu mesma, coloco muitos momentos da minha vida no modo automático.

“Aprecie cada instante, pois a vida é feita de instantes sucessivos e tão rápidos que dão a impressão de continuidade, mas cada instante é único.”

É importante aprender a agir com consciência e não apenas a reagir a todas as situações que nos são impostas pela vida, o tempo está passando para todos nós, devemos aproveitar cada minuto que nos é concedido da melhor forma possível, vivendo bem. Acredito que a leitura é inspiradora, acessível e completamente necessária para todos os tipos de público.


Sobre a autora: Monja Coen é a primaz fundadora da Comunidade Zen-Budista Zendo do Brasil, criada em 2001. Teve seu primeiro contato com o zen-budismo no Zen Center de Los Angeles, onde fez os votos monásticos em 1983. Residiu por oito anos no Mosteiro Feminino de Nagoya, no Japão, onde graduou-se como monja especial, habilitada a ministrar aulas de Budismo para monges e leigos. Retornou ao Brasil em 1995, como missionária da tradição Sôtô Zenshû para o Brasil. Ministra cursos e palestras sempre muito concorridas. Apresentou a série Caminho Zen, pelo canal GNT. Autora bestseller, já publicou vários livros pela Editora Planeta. São eles: Zen para distraídos, A sabedoria da transformação, 108 contos e parábolas orientais, Aprenda a viver o agora, O que aprendi com o silêncio e Ponto de virada.

Ficha técnica:
Título: Aprenda a viver o agora
Autora: Monja Coen
Editora: Acadêmica (Planeta de Livros)
Páginas: 192
Ano: 2019
ISBN: 978-85-422-1596-0
Onde Comprar: Amazon

Postar um comentário

0 Comentários