[RESENHA #861] SOLIDÃO E COMPANHIA - SILVANA PATERNOSTRO


Sinopse: Muito já se escreveu sobre Gabriel García Márquez, um dos mais importantes escritores de todos os tempos, vencedor do Prêmio Nobel de Literatura e autor do clássico Cem anos de solidão. O próprio escritor colombiano escreveu suas memórias. Mas um personagem tão rico requer muitas vozes para explicá-lo - é o que faz Silvana Paternostro neste livro. A partir de depoimentos de dezenas de pessoas como irmãos, parentes, amigos e conhecidos, ela apresenta ao leitor uma história oral de Gabo, como era conhecido.

Os irmãos contam episódios da infância, os amigos lembram a dificuldade para escrever o "grande romance" e todos oferecem suas versões para a construção deste ou daquele personagem. O afilhado Santiago revela como a fama "atacou-o como um animal, um touro" e amigos admitem que García Márquez foi ficando cada vez mais pedante. Não faltam versões também para "causos" como o dia em que o escritor peruano Mario Vargas Llosa, até então amigo de Gabo, lhe acertou um soco. O olho roxo teria sido uma resposta ao suposto flerte com a sua mulher.

Resenha/Opinião: Considerado por muitos um escritor genial, Gabriel García Márquez escreveu livros que foram reverenciados como: Cem anos de solidão, O amor nos tempos do cólera e O General em Seu Labirinto. Gabo como é conhecido, criou personagens, cenários e universos ímpares, marcando o seu nome na literatura latino-americana para o todo sempre. O autor possui uma legião de fãs, dessa forma é natural o surgimento de uma biografia sobre ele, tamanho o interesse dos leitores por sua figura.

Solidão e Companhia é uma biografia que foge do comum, pois a história do autor é narrada e contada por meio de relatos tecidos por conhecidos, amigos, familiares e até mesmo desafetos, cada um apresentando uma opinião distinta sobre o autor, seja ela verdadeira ou não, pois não sabemos até que ponto esses relatos são verídicos, mas esse meu questionamento não diminui a importância desse obra. O objetivo dessa obra é construir a imagem do Gabo para aqueles que não o conheceram.

Entre os relatos há alguns que saltam aos olhos, pois para algumas pessoas a fama transformou Gabo, pois após ser laureado com o prêmio Nobel ele sofreu transformações e para alguns se tornou uma pessoa esnobe e intragável, mas para outras pessoas não ocorreu qualquer tipo de transformação no aspecto comportamental do autor. Silvana abre espaço para falar sobre o desentendimento de Gabo com outro autor famoso que fora seu amigo, Mario Vargas Llosa.


Durante a leitura conhecemos outros aspectos sobre a vida de Gabo, incluindo a sua infância, as dificuldades que enfrentou ao longo da sua carreira como escritor, a contribuição de pessoas próximas na construção de um personagem ou outro, bem como o seu lado mulherengo.

O mais interessante é que os relatos não possuem qualquer censura, ao menos essa é a impressão que fica e cabe aos leitores analisar o que é apresentado. Aliás, a autora nos apresenta um livro leve e ao mesmo tempo profunda, pois refletimos e analisamos quem foi Gabriel García Márquez, bem como a sua importância para a literatura e formação de leitores. Uma coisa é certa, Gabo foi um grande autor e um grande criador de histórias, ainda que sobre si mesmo.


Solidão e Companhia foi dividido em duas partes, antes e depois de Cem anos de solidão, o grande livro da sua vida. Em suma, esse é um livro repleto de informações, o que deixa o leitor íntimo do autor, pois conhecemos diversas nuances sobre a vida do Gabo. Eu recomendo a leitura de Solidão e Companhia para todos aqueles que gostam de ler biografias ou mesmo para os fãs desse autor que marcou gerações.

Sobre a autora: Silvana Paternostro nasceu em Barranquilla, cidade onde García Marquéz e seus amigos se encontravam e de onde saíram os personagens para Cem anos de solidão. Desde criança ela ouvia histórias sobre o autor com quem chegou a estudar. Formou-se em jornalismo nos Estados Unidos e escreve para diversos jornais e revistas de renome como The New York Times, The Washington Post, Vogue e Paris Review. Jornalista premiada, foi escolhida pela revista Time/rede CNN como uma das 50 líderes latino-americanas do milênio. Mora em Nova York.

Ficha técnica:
Título: Solidão e Companhia
Autora: Silvana Paternostro
Tradução: Carla Fortini
Editora: Crítica
Páginas: 288
Ano: 2021
ISBN: 9786555352740
Onde comprar: Amazon

Postar um comentário

0 Comentários