[RESENHA #942] OS 10 (OU MAIS) MANDAMENTOS DA SOLTEIRA - KRISHNA


Sinopse: Como é ser jovem e solteira nos dias de hoje? Um guia de mesa de bar… ou talvez um não guia, em que os conselhos não precisam ser levados ao pé da letra, os mandamentos são flexíveis e as histórias podem ou não ser verídicas. Os relatos e dicas de Os dez (ou mais) mandamentos da solteira vêm da experiência da autora ‒ Krishna, como é conhecida nas redes sociais, uma solteira orgulhosa e convicta ‒ e também de suas amigas e amigas de amigas, com seus inúmeros “dates”, rolinhos, “ghostings” e crises existenciais. 

A vontade de reunir tanta sabedoria sobre a solteirice num livro veio da constatação de que há muita coisa sobre mulheres, relacionamentos e sexualidade que todo mundo quer saber, mas quase ninguém tem coragem de perguntar nem de falar a respeito. Ser e/ou estar solteira e diariamente escolher a si mesma antes de todas as coisas deveria ser mais que normal em 2021. Então por que mulheres ainda recebem olhares atravessados quando dizem que são solteiras, enquanto homens estão por aí vivendo a solteirice e sendo felizes sem que ninguém questione seu status de relacionamento? 

Este é um livro de humor e de crônicas do cotidiano, mas também um manifesto, para ler e marcar as partes com as quais cada mulher, solteira ou não, mais se identifica. E, como diz o título, é ainda um guia sobre os tipos de homens que podem ser encontrados nos aplicativos, dicas para o primeiro “date” depois da conversa no app e também para desenrolar a conversa. E não fica por aí: aqui você vai encontrar muita coisa sobre amizade, trabalho, dinheiro, autoprazer e sobre o Gregório Duvivier. Mas para entender essa parte, só lendo.

Resenha/Opinião:
Primeiramente preciso dizer que foi um prazer cada segundo da leitura desta obra. De forma irreverente, simples e com muita sinceridade a autora explicita alguns dramas (se é que posso chamá-los assim) da vida de solteira. Em muitos momentos, falando de sua experiência pessoal a autora nos aproxima tanto de uma conversa de bar casual entre amigas que me peguei diversas vezes rindo das situações e dizendo em voz alta: “Amiga do céu, é exatamente assim!”.

É quase desnecessário dizer o quão rápida e fluida foi a leitura, certo? Krishna tem o poder das palavras e te envolve tanto que acompanhamos os seus pensamentos durante toda a narrativa. Sinto que qualquer elogio que eu fizer não vão ser suficientes para mostrar o quanto essa obra me trouxe um quentinho no coração, paz na alma e muitas, sim, muitas risadas.

Não estou exagerando quando digo que o livro me trouxe paz para a alma, isso porque durante a leitura, crises existenciais (complicadíssimas, até então) foram narradas com tamanha simplicidade e humor que acabei percebendo que não sou a única pessoa no mundo a passar por esses problemas, sim amigas, estamos juntas nos perrengues também. Essa sonoridade e empatia da autora me encantaram, comecei a devorar o livro em alta velocidade, mas aí me lembrei que as páginas eram finitas e comecei a degustá-lo, pedacinho por pedacinho.

Uma coisa importante é que muito se engana quem pensa que o livro é direcionado apenas as atuais solteiras do pedaço, não mesmo, esse livro foi feito para qualquer mulher que já tenha entrado em contato com relacionamentos amorosos e seus percalços. Claro que as atuais solteiras vão ler pensando “nossa isso aconteceu comigo ontem”, mas é apenas questão de tempo, são coisas que quem nunca passou provavelmente ainda vai passar e não que isso seja algo negativo, como podemos ver, é possível ver a vida mais leve e tirar ensinamentos de tudo que nos acontece, se não forem ensinamentos filosóficos, pelo menos serão boas risadas em uma mesa de bar com as amigas.

Ao terminar a leitura já me sentia próxima da autora, queria ligar ou mandar uma mensagem bem daquelas: “Amiga, você arrasou, vamos brindar a isso! Passo aí que horas? E que roupa você vai?”.

Acredito que todas as mulheres e meninas deveriam ler essa obra, acho que os homens também deveriam ler, na verdade, acho que todos deveriam ler e se deliciar assim como eu, que boas risadas escutando uma quase velha amiga contando os causos atrapalhados da sua vida amorosa, mostrando o prazer e a delícia de ser solteira. Só posso dizer que foi um imenso prazer e que aguardo os próximos encontros literários.

Sobre a autora: Krishna (@kribshna no Twitter) é comunicadora. Amante da MPB, do carnaval e dos livros, era uma criança apaixonada pelas palavras e que sonhava em ser escritora em São João de Meriti, na Baixada Fluminense, Rio de Janeiro. Se tornou uma adulta que não acreditava ser capaz de virar escritora até que se percebeu escritora. Escreve livro, tuíte, discurso de aniversário e carta de apresentação para os amigos. Solteira desde sempre, criada por mulheres e com infinitas amigas, adora observar as nuances do comportamento feminino. Cria conteúdo na internet e fala o que vem na cabeça. Seu bolo favorito é o de laranja.

Ficha técnica:
Título: Os 10 (ou mais) mandamentos das solteiras
Autor: Krishna
Editora: Rocco
Páginas: 160
Ano: 2021
ISBN: 9786555321272
Onde comprar: Amazon

Postar um comentário

0 Comentários